por / 24 Fev

O Oscar começou com surpresa: Os críticos vinham falando bem mal do figurino desse filme, que, entretanto, acabou ganhando. Mais um épico para a história do prêmio.

Direção de Arte, outra categoria artística/técnica, deve ir para “Sweeney Todd”. Eu daria pelo menos, é um absurdo de bom.

Agora, no ar, momentos marcantes dos oitentas anos do Oscar, ao som da trilha de Titanic.

Concorriam:
“Across the Universe”
“Desejo e Reparação”
“Piaf – um hino ao amor”
“Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet”

Se você lê em inglês, veja também o blog oficial do Oscar, cobrindo ao vivo.